Simpósios

S1 - Pesquisas ecológicas sobre os impactos das mudanças climáticas no Brasil: histórico e novas perspectivas

Segunda-feira, 20 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizadores: Sandra Müller (UFRGS) e Adriane Muelbert (University of Leeds)

Impacto das mudanças climáticas sobre os ecossistemas brasileiros

Adriane Esquivel Muelbert (University of Leeds)

Mudanças climáticas e o futuro da Amazônia

Carlos Afonso Nobre (INPE)

Mudanças climáticas: ecossistemas alterados, sociedades sacudidas

David Lapola (Unicamp)

 

 

S2 - Modelagem empírica de sistemas dinâmicos e detecção de causalidade em sistemas ecológicos - teoria e prática

Segunda-feira, 20 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Paulo Inácio Prado (USP)

Aplicações de EDM em ecologia e epidemiologia

Brenno Cabella (UNESP)

Introdução à modelagem empírica de sistemas dinâmicos

Paulo Inácio Prado (USP)

Um critério de causalidade a partir da dinâmica de sistemas naturais

Roberto Kraenkel (UNESP)

 

 

S3 - Diversidade e processos ecossistêmicos em águas continentais brasileiras: pressões e alterações

Segunda-feira, 20 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Roger Mormul (UEM)

Dinâmica trófica e estados estáveis alternativos na estrutura de populações e comunidades

José Luiz de Attayde (UFRN)

Invasões biológicas e seus impactos sobre a diversidade e funcionamento de ecossistemas aquáticos

Roger Mormul (UEM)

Explorando a diversidade beta em ambientes aquáticos

Victor Landeiro (UFMT)

 

 

S4 - Integrando a biodiversidade brasileira: as contribuições do Programa PPBio

Segunda-feira, 20 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizadores: Gerhard Ernst Overbeck (UFRGS) e Carlos Eduardo Grelle (UFRJ)

Efeito biológico da quantidade de habitat e da fragmentação no bioma Mata Atlântica

Carlos Eduardo Grelle (UFRJ)

Gradientes de solo, isolamento pela distância e rios determinam a distribuição de comunidades de animais e plantas na Amazônia

Cristian de Sales Dambros (UFSM)

Padrões de diversidade nos Campos Sulinos: filtros ambientais, espaço e interações entre grupos tróficos

Gerhard Ernst Overbeck (UFRGS) e Luciana Menezes (UFRGS)

 

 

S5 - A busca por mecanismos causais: modelos energéticos e metabólicos em ecologia

Segunda-feira, 20 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizador: Marcus Vinícius Vieira (UFRJ)

Uso de parâmetros e modelos fisiológicos em ecologia: uma análise histórica

Ariovaldo Cruz Neto (UNESP)

Modelos mecanísticos de distribuição de espécies baseados em parâmetros fisiológicos e teoria metabólica da ecologia

Fernanda Cassemiro (UFG)

Modelos energéticos e metabólicos em ecologia de populações e do movimento animal

Marcus Vinícius Vieira (UFRJ)

 

 

S6 - Restauração e monitoramento de funções ecossistêmicas

Segunda-feira, 20 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizador: Marcos Carlucci (UFPR)

Funcionalidade e serviços ecossistêmicos da Mata Atlântica

Márcia Marques (UFPR)

Uso de atributos funcionais na restauração: otimizando diversidade e estabilidade na provisão de funções

Marcos Carlucci (UFPR)

Processos ecológicos e funcionamento dos ecossistemas: aplicações no monitoramento de áreas em restauração

Milena Rosenfield (UFRGS)

 

 

S7 - Conservação da biodiversidade e políticas públicas

Terça-feira, 21 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizadora: Isabela Varassin (UFPR)

Base de dados como uma ferramenta para políticas públicas

Antônio Saraiva (USP)

A interface entre a BPBES e a REBIPP

Carlos Alfredo Joly (Unicamp)

A Rede Brasileira de Interações Planta-Polinizador

Kayna Agostini (UFSCAR)

 

 

S8 - Integração de experimentos e modelagem em grandes projetos atuais na Amazônia

Terça-feira, 21 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: David Lapola (Unicamp)

Experimentos manipulativos em escala ecossistêmica: efeitos de limitações nutricionais e do aumento de CO2 atmosférico em florestas da Amazônia

Carlos Quesada (INPA)

Temos resposta para o SLOSS? O que vem além do SLOSS baseado em monitoramento de longo prazo na Amazônia pela perspectiva do PDBFF?

José Luís Camargo (INPA)

A fórmula perfeita para a degradação de florestas da Amazônia: interações entre o fogo, a seca e a fragmentação florestal

Paulo Brando (IPAM)

 

 

S9 - Ecologia Microbiana: diversidade e processos ecossistêmicos

Terça-feira, 21 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Fernando Andreote (Esalq-USP)

Como a predição do microbioma pode ser utilizada para avaliar a saúde ambiental

Diogo Jurelevicius (UFRJ)

Ecologia microbiana em solos e a conexão com o desenvolvimento vegetal

Fernando Andreote (ESALQ-USP)

Microbiomas de ambientes construídos: como a urbanização está modificando as comunidades microbianas que convivem conosco

Luciana Paulino (UFABC)

 

 

S10 - Ecologia histórica: história dos ambientes e os ambientes da história no Brasil

Quarta-feira, 22 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Rogério Oliveira (PUC-RJ)

Bases teóricas e aplicações da ecologia histórica e da geografia histórica

Alexandro Solórzano (PUC-Rio)

A Mata Atlântica e a Floresta Amazônica na história do Brasil: uma abordagem comparativa

José Augusto Pádua (UFRJ)

Legados históricos na Floresta Atlântica do Sudeste e biodiversidade

Rogério Oliveira (PUC-RJ)

 

 

S11 - Ecologia de invasões no Brasil: interfaces com a teoria ecológica e a conservação

Quarta-feira, 22 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Rafael Zenni (UFLA)

Ecologia e manejo de animais exóticos invasores: prioridades de pesquisa e ação

Clarissa Alves da Rosa (Instituto Alto Montana da Serra Fina, UFLA)

Ecologia e manejo de plantas exóticas invasoras na Mata Atlântica: prioridades de pesquisa e ação

Michele de Sá Dechoum (UFSC)

Padrões de distribuição de espécies invasoras no Brasil e impactos de plantas invasoras no Cerrado e na Caatinga

Rafael Zenni (UFLA)

 

 

S12 - Interações tróficas e funções ecossistêmicas frente às mudanças globais

Quarta-feira, 22 de agosto 10h30 - 12h00

 

Organizador: Ricardo Solar (UFMG)

Balanceando a perda de biodiversidade e rentabilidade na Floresta Atlântica do Brasil

Cristina Banks-Leite (Imperial College)

O quão incisiva é a homogeneização biótica em paisagens de florestas tropicais modificadas pelo homem?

Ricardo Solar (UFMG)

Interações entre insetos e plantas em tempos de mudanças climáticas globais e alterações no uso da terra

Tatiana Cornelissen (UFSJ)

 

 

S13 - Ciência cidadã: ferramenta eficiente para conservação da biodiversidade

Quarta-feira, 22 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizadora: Blandina Viana (UFBA)

Potencial da ciência cidadã para o monitoramento dos polinizadores no Brasil

Blandina Viana (UFBA)

Cidadão cientista: monitoramento participativo de aves no Brasil

Pedro Develey (BirdLife International & Save Brasil)

Ciência cidadã: participação social garantindo o sucesso do reflorestamento em assentamentos rurais de reforma agrária

Rafael Chiaravalloti (IPÊ)

 

 

S14 - Abordagens moleculares e genômicas em ecologia

Quarta-feira, 22 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizador: Rodrigo Cogni (USP)

Genomas como máquinas do tempo: aves neotropicais como modelo

Fábio Amaral (Unifesp)

Genômica da paisagem

Marina Côrtes (Unesp)

Adaptações em tempos de mudanças climáticas recentes: integrando ecologia, evolução e genômica em um organismo modelo

Rodrigo Cogni (USP)

 

 

S15 - Fogo em diferentes biomas brasileiros

Quarta-feira, 22 de agosto 15h00 - 16h30

 

Organizador: Luiz Aragão (INPE)

Queimadas de Cerrado: qual a frequência?

Heloisa Miranda (UnB)

Incêndios florestais nos trópicos: causas e consequências para o funcionamento dos ecossistemas

Luiz Aragão (INPE)

A formação de tempestade de fogo na Amazônia

Paulo Monteiro Brando (IPAM)